Quer ficar antenada com tudo o que vou compartilhar aqui? Deixe seu e-mail abaixo e receba todas as novidades.

“Divas Dance” tem aula de dança animada para mulheres

By Posted on 0 4 m read 284 views

Oi, meninas

Tudo bem?

Pode parecer difícil você, como mãe, arrumar um tempo para dar aquela escapadinha para “suar, sorrir e cantar”, certo? Pois saiba que o projeto Divas Dance tem justamente esse objetivo, o de proporcionar danças com ritmos animados, exclusivamente para mulheres, além de permitir que elas façam amizades e se divirtam juntas. Tudo isso para fugir um pouco da rotina do dia a dia. Os estilos de músicas nas aulas vão desde os anos 1960 até os mais atuais.

“Já na primeira aula, o que se vê é beleza, alto astral e o nascimento de uma diva. Paralelamente à sala de aula há uma programação de encontros para bater papo, fazer festa, viajar –quando possível -, conhecer novos lugares e, sempre, aprender muito por meio de cursos e palestras”, explica Roberta Marques, professora de educação física e idealizadora do projeto.

Foto: divulgação

Foto: divulgação

E nada de achar que isso não faz o seu estilo porque você é uma mulher de muitos afazeres. Se não puder participar de todas as atividades é só escolher as que se encaixam melhor no seu horário de mãe, esposa e profissional. Mas que é fundamental você reservar um tempinho para você… ah, isso é!

Durante as aulas, as músicas são transformadas, por DJs especiais, em hits excelentes e inspiradores. Apesar do projeto inicial acontecer só em Brasília e Goiás, fiquem atentas, mulherada. Serão abertas algumas turmas em São Paulo, no Espírito Santo e na Bahia ainda no primeiro semestre de 2015.

Benefícios
Em primeiro lugar, conta Roberta, ao praticar esse tipo de atividade a mulher estará cuidando da saúde. “Como as aulas têm intensidade moderada, as “divas” costumam terminar as danças bastante suadas e cansadas. Mas ao contrário de outras atividades monótonas e rotineiras, saem superfelizes. Além disso, essa atividade estimula a produção de hormônios que atuam na sensação de bem-estar e felicidade, que são a endorfina e serotonina. Sem contar que quando se gosta do que faz, a disposição para expandir os próprios limites torna-se cada dia mais perceptível”, ressalta a professora.

Sem contar que o benefício está ligado diretamente ao convívio social. Encontrar pessoas com as quais se tem afinidade traz a sensação de pertencimento. “Principalmente se for num ambiente onde não há cobranças por padrões estéticos ou comportamentais, e onde a liberdade de ser feliz como quiser é o mais importante”, afirma a idealizadora do Divas Dance.

Ah, Roberta aproveita ainda para destacar os ganhos de autoestima, amor próprio, superação de depressão e doenças que são percebidos, muitas vezes, nas “divas”. Ela afirma também que as aulas trazem, por meio das músicas, muita energia e vitalidade, além de fortalecer laços de amizade. Convenhamos que isso pode ser um verdadeiro “estímulo” para ter ainda mais pique nas mil facetas que a mulher têm hoje, diariamente.

Como participar

Foto: divulgação

Foto: divulgação

 

Para mexer e remexer nas aulas da Divas Dance, explica Roberta, só há dois pré-requisitos: “abrir as asas e soltar as feras”. Embora as aulas tenham uma maioria de público com perfil de mães com mais de 50 anos, não há restrição. Qualquer mulher pode participar! Aliás, “Dancing Days” das Frenéticas, é o hino das “divas”.

Na música, para quem não lembra, há um trecho que diz “dance bem, dance mal, dance sem parar, dance bem, dance até sem saber dançar”. “No projeto Divas Dance, a única coisa que não entra é a tristeza”, afirma Roberta.

E a boa notícia é que as academias de qualquer lugar do país podem se tornar parceiras do projeto para implantar o formato de aula do Divas Dance.

Como surgiu o projeto

Roberta Marques, a idealizadora do projeto, sempre teve bom exemplo de saúde e exercício em casa. A mãe foi proprietária de academia e bailarina e a avó materna (Dona Hilda), professora de canto na escola de música de Brasília e adepta do exercício. Dona Hilda formou-se em duas faculdades e sempre foi moderna, além de muito elegante. Mas após a morte do seu amado companheiro, foi viver profundamente o luto de sua perda.

Um ano e meio depois, pediu ajuda à neta Roberta para retomar os exercícios. A partir daí, Roberta Marques, que já era professora de dança desde 1997, criou uma aula fácil, alegre e extremamente acessível para mulheres que têmm dificuldades de frequentar uma academia tradicional ou não gostam de exercício.

Para finalizar, se você quer se tornar uma diva, fique sabendo desde já quais são “os mandamentos”:
Diva não dorme, descansa a beleza.
Diva não nasce, estreia.
Diva não malha, esculpe.
Diva não dança, faz performance.
Diva não canta, dá show.
Diva não sua, refresca.
Diva não anda, desfila.
Diva não tem idade, ela quer mesmo é curtir a vida.
Uma Diva nunca abandona a outra.
Cada Diva tem a sua maneira de ser, e isso a torna especial.
Diva é VIDA e não desanima NUNCA”!
Quer saber mais sobre o projeto e já tentar reservar sua vaga?
Mais informações:
Site: www.divasdance.com.br
Roberta Marques – contato@divasdance.com.br
(61) 3364-0064 / 8435-9594
Facebook:  www.facebook.com/robertamarquesvip
Instagram:  @robertamarques

Share this article

No Comments Yet.

What do you think?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *